Dicas

Impermeabilização do banheiro

Impermeabilizar o banheiro é essencial. Esse é o cômodo da casa que mais requer esse tipo de cuidado para garantir a higiene, conforto e saúde dos usuários.

Por receber água diretamente sobre o piso, na parede e com o vapor que atinge o teto, a ausência ou falhas de impermeabilização podem gerar inconvenientes e custos de reforma em pouco tempo e repetidas vezes se o problema não for prevenido ou solucionado.

Entre os danos mais comuns estão infiltrações em cômodos nos andares inferiores em casos de sobrados ou apartamentos, desprendimento das placas de revestimentos e formação de bolhas na pintura e danos ao forro de gesso.

Impermeabilização

A aplicação correta de mantas ou membranas impermeabilizantes deve considerar as seguintes medidas: subir 20 cm de altura na parede, no mínimo, em relação ao piso. Já dentro do box, a altura deve ser de 1,90m e da banheira, ao menos, 50 cm em relação à borda.

Esta é uma etapa fundamental na obra e, dependendo da escolha de produtos para aplicação em paredes e pisos, deve ser feita com muita antecedência para não comprometer o cronograma da obra. O tempo de espera para aplicação de cerâmicas e tinta pode levar de sete a 28 dias, de acordo com fabricantes.

Além da impermeabilização, é preciso estar atento para alguns detalhes da obra. É importante verificar se o profissional contratado está tomando os estes outros cuidados.

Caimento do piso

Deve haver um desnível entre os cantos da parede na direção dos ralos para favorecer o escoamento da água.

Ralo

Deve ser instalado abaixo do nível do piso acabado para evitar empoçamentos.

Pintura

Embora não esteja relacionada diretamente à impermeabilização, este é um item essencial. A tinta a ser usada na pintura do teto, em sancas ou em alguma área não molhada do banheiro deve ser epóxi. Isso evita que mofe com a umidade e que mantenha a aparência de nova por mais tempo.

Continue acompanhando as nossas dicas e boa obra!